Quem passa por aqui, PASSA!

SIGAM NO INSTAGRAM @EDUARDORGONCALVES, @MEUESQUEMATIZADO e @MEUORGANIZADO.

ENTREM NO NOSSO GRUPO DO TELEGRAM CLICANDO AQUI.

PARTICIPEM DO NOSSO FÓRUM DE DISCUSSÕES.

LEIAM NOSSO "MANUAL DO CONCURSEIRO"

CURSO ONLINE

MÉTODOERG - O QUE É? INFORMAÇÕES E TURMAS

CLIQUE AQUI ENTRA NA FILA DE ESPERA O QUE É O CURSO?  Após anos de aprendizado teórico e prático, lançamos o projeto piloto onde repass...

O MAIOR INIMIGO DO CONCURSEIRO

Olá meus queridos alunos do #blogdoedu e, em breve, do #metodoerg

Estudo para concursos desde 2009, tenho o blog desde 2013, então estou acompanhando provas de concurso há 11 anos e o comportamento dos concurseiros há 07 anos ao menos e hoje posso dizer, sem medo, que o maior inimigo do concurseiro está na palma das suas mãos, é o seu celular, e principalmente dois aplicativos: Instagram e WhatsApp. 

As redes sociais deram espaço a muita gente, fez com que muitos milagres da aprovação surgissem, apareceram métodos milagrosos, professores e mais professores nascem dia a dia e isso gera excesso de informação e desvio de foco.

Hoje o concurseiro além de desviar sua atenção com as redes sociais, passou a conviver com o excesso de informações (nem sempre inúteis - a maioria útil é verdade), que consomem sua rotina

Após muito sopesar e analisar o que está ocorrendo cheguei a conclusão de que fazer o básico e necessário ainda é o melhor. É sobre esse excesso de informação que falaremos hoje. 

As facilidades da vida estão aí para serem utilizadas, mas o excesso de facilitadores pode comprometer sua caminhada até a aprovação, isso porque para concursos não existe segredo, já que o único milagre da aprovação é o estudo

Então, agora, vou dizer a vocês o que precisam:
1- Um guia de estudo - e aqui indicamos o Meu Esquematizado ou um coaching para lhe orientar o início da preparação. Se não quiserem nenhum dos dois, leia as postagens aqui do blog contanto praticamente tudo sobre a aprovação.
Ninguém precisa começar errando ou se manter estudando errado e sem foco. 

2- Um material doutrinária básico - pode ser uma doutrina para concursos, aulas de qualidade, sinopse ou PDF conforme a matéria exija. 
Você não precisa de direito desenhado, direito em quadrinhos, materiais de outros concurseiros que você mal conhece, PDF de outros aprovados que você pode sequer vir a entender, pois não foi você quem fez. Não precisam de materiais de quem não conhecem a curadoria. 
Temos indicações aqui no blog - todas gratuitas. 

3- Leiam a lei seca sem buscar milagre. O milagre da lei seca é sua leitura, simples assim. Aqui sugiro ser raiz mesmo: leiam os códigos secos. Não usem nem a internet, pois a fixação vai ser menor. Foco absoluto no VadeMecum (eis o segredo da lei seca VadeMecum + Questões). 

4- Usem o dizer o direito para jurisprudência. E só, vocês não precisam de mais nada. 

5- Usem o QC para questões - mas tenham horários para fazer isso.
Não precisa fazer curso de questões antes de sair seu edital específico. Não precisam fazer curso de segunda fase antes de ter a mínima chance de estar nela. 

Já vi curso de questões ser vendido por mais de 3.000 mil reais. Não tem curso de questão de segunda fase que valha esse preço. E o pior, curso para quem sequer está na segunda fase...

6- Não compre todos os PDFs milagrosos que aparecerem. Não compre todo material novo que surgir no mercado. O material novo dificilmente será melhor que os antigos (e será mais caro). 

7- Tenha só o material que realmente for essencial. Quanto mais material mais difícil e longa será sua caminhada. Quanto mais gigas de PDF pior. 

8- Não vivam com o excesso de facilitadores
Vejam a resposta que dei a um aluno essa semana: 


9- Quanto mais fácil você quiser que seja sua aprovação, mais difícil ela será, afinal de contas está cheio de "pirâmide financeira" para os concurseiros. O milagre da multiplicação do concurseiro é feito com a dedicação e estudo diário. Não existe material mágico ou milagroso. Não existe "O PDF"da aprovação. 

10- Sigam, nas redes sociais, poucos professores. Só quem te agrega e você confia no método. Não sigam alguém só porque ele foi aprovado. Vejam o relato de aprovado, mas não tente a toda hora implementar o método milagroso de um concurseiro ou outro. 
Não sigam pessoas com a vida e com a rotina perfeita - elas não são perfeitas e aumentam a pressão sobre você. 
Não sigam quem promete que você vai passara rápido - essa pessoa quer te vender alguma coisa! 

11- Não queiram substituir o necessário pelo fácil. Já vi gente estudando direito penal para MPE com resumos e com quadros esquematizados. 
Não dá gente. Sei que gostam de facilitadores, mas muitos estão atropelando o processo, de forma que não fazem nem o básico. 

Em todos os e-books de minha autoria indico doutrinas, que podem ser substituídas por aulas/pdf em alguns pontos, mas não em todos. Temos um mínimo obrigatório que onde não adianta buscar o fácil, pois o concurso cobrará seu preço mais para frente. 

Lembrem: existe estratégia, mas não milagre. E mais: ainda o estudo estratégico é difícil e longo. Há pequenos atalhos, mas não há santo milagroso ou o PDF da aprovação.

Bom amigos, era isso. 

Feliz domingo para todo mundo.

Eduardo, em 24/05/2020
No instagram @eduardorgoncalves

2 comentários:

  1. Caro Eduardo, eu só utilizo o site Dizer o Direito para estudar jurisprudência, mas me surgiu uma dúvida. É muito conteúdo semanal que eles publicam. Diante disso, como separar o conteúdo essencial para estudar. Por exemplo, não sei se estou correto, mas creio que o mas indicado focar naquelas decisões que integrem o sistema de precedentes vinculantes, considerando que talvez, de forma geral, os concursos não explorem decisões monocráticas ou divergências entre turmas. Enfim, como devo proceder. Obrigado.

    ResponderExcluir

Sua interação é fundamental para nós!

GOSTOU DO SITE? ENTÃO NÃO DEIXE DE NOS SEGUIR NO INSTAGRAM @EDUARDORGONCALVES, @MEUESQUEMATIZADO E @MEUORGANIZADO. ALÉM DISSO, ENTREM NO NOSSO GRUPO DO TELEGRAM.

NÃO DEIXE DE LER!