Quem passa diariamente por aqui, PASSA!

SIGAM NO INSTAGRAM @EDUARDORGONCALVES e @MEUESQUEMATIZADO PARA DICAS, SORTEIOS, LIVES, NOTÍCIAS E MUITO MAIS

A HORA DE PLANTAR E A HORA DE COLHER NOS CONCURSOS PÚBLICOS

Olá, queridos! Tudo em paz? Muito estudo?
Hoje eu gostaria de fazer uma metáfora entre uma passagem bíblica com a preparação para concursos. Não, eu não sou crente, mas leio a bíblia com regularidade, e alguns pontos me remetem, de alguma maneira, à preparação para concursos públicos. 
Em Eclesiastes 3, versículos 1 e 2, há a seguinte passagem:
“Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. 
Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou;”
Uma das perguntas que mais recebo dos leitores, alunos, coachees, é: “Dominoni, quanto tempo você levou até passar no concurso que você queria?” Quanto tempo vou levar para passar nesse ou naquele concurso? Recentemente eu escrevi sobre isso no meu blog pessoal. Se você não leu clique aqui.
Queridos, antes de começar a plantar o lavrador deve arar a terra, colocar adubo, em fim, preparar a terra para o plantio. Assim o concursando: selecionar os materiais que irá estudar, as aulas que irá assistir, qual a periodicidade dos exercícios, onde irá estudar, ou seja, preparando-se para iniciar o processo.
Do plantio à colheita o lavrador deve regar a plantação, utilizar os remédios necessários, podar… Assim o concursando: deve se submeter a avaliações periódicas para verificar onde está indo bem e manter, e onde as coisas não vão da maneira correta, e corrigir os rumos. 
O lavrador sabe, pela vivência, pela experiência de vida, que a colheita somente chegará após o transcurso do tempo e de diversos fatores favoráveis. Já o concursando põe o foco na aprovação – quando ela chegará? Isso é um equívoco grande, pessoal! Perda de energia … e desnecessária!
O foco do concursando deve ser na sua preparação, não na aprovação. A aprovação é consequência – eu sei que é difícil segurar a ansiedade, mas acredite!
Quando focamos na preparação estamos mais atentos aos pontos onde devemos interceder, onde devemos corrigir. E é exatamente isso que vai te levar mais rapidamente à aprovação.
O foco no processo te faz tomar decisões de maneira mais precisa e rápida, corrigindo os rumos no caminho da aprovação.
Um outra pergunta que surge aqui é: estabelecido o cronograma de estudos, em quanto tempo eu devo fazer avaliações para verificar se o meu método funciona?
Quem vai te dizer isso é a avaliação periódica que você vai fazer, as questões que você tem de fazer. Se o percentual de acertos está abaixo de 80%, você deve verificar o que está fazendo de errado. Refiro-me às questões objetivas. Talvez tenha faltado uma revisão em um tempo mais curto, talvez estejas estudando por material inadequado. É hora de rever a estratégia.
E uma última ideia: estude com boa vontade, com amor! Já viu aquela plantinha que a gente planta com todo carinho do mundo? Ela floresce linda! Assim é a preparação para concursos: faça com todo amor possível! Acorde feliz por estar se determinando a buscar o teu cargo! Agradeça aos céus por estar caminhando, a cada dia, rumo ao sucesso! A energia positiva circula nas pessoas que estão ao seu redor e volta para você. Acredite nisso!
Era esse o papo que gostaria de levar com vocês hoje, pessoal. 
Essa era a mensagem de hoje, pessoal!
Grande abraço a todos, vamos em frente e contem comigo para o que precisar.
Dominoni
@dominoni.marco (siga-me no Instagram) e no face (@marcodominoni.com.br)
www.marcodominoni.com.br
www.cursocliquejuris.com.br

1 comentários:

  1. Uma postagem assim purifica a alma com motivação, uma das coisas que nós concurseiros sempre precisamos... Obrigado Marco!

    ResponderExcluir

Sua interação é fundamental para nós!

GOSTOU DO SITE? ENTÃO NÃO DEIXE DE NOS SEGUIR NO INSTAGRAM @EDUARDORGONCALVES e @MEUESQUEMATIZADO