Quem passa diariamente por aqui, PASSA!

E O GRANDE DIA CHEGOU! CONFIANÇA E FÉ QUE O RESULTADO SERÁ O MELHOR POSSÍVEL

07/07/2012 foi o meu 10/10/2015, e vou aqui contar a vocês o meu dia e ao final dar algumas dicas importantes para a prova. 
Saio cedo de Guapirama-PR com destino a Curitiba-PR para fazer duas provas, Advogado da União (minha meta) e Assessor do TJ-PR (cargo, na época, melhor que de Advogado da União). 05 horas de viagem, e chego na casa do meu irmão para descansar até o horário da prova. 


Como não tinha lido a Lei Orgânica da AGU, resolvi o fazer rapidamente para não ser surpreendido. Li ainda o art. 131 da CF e descansei, mas não desliguei. E aí o primeiro erro: dia de prova é dia de relaxar, descansar, ir ao shopping, fazer uma leve caminhada, enfim, fazer qualquer coisa MENOS ESTUDAR, pois ler a essa altura do campeonato apenas aumenta sua ansiedade. Então hoje abandone os livros, ou no máximo leia até as 12 horas um ÚLTIMO TEMA (seu talismã, quem sabe) 

Chegando a noite, meu segundo erro: pedimos uma pizza em casa (mania de quem mora no interior que quando vai a capital ter que pedir pizza e comer uma casquinha do mcdonald's rsrsrs). Resultado: não consegui dormir por conta do nervosismo e por ter comido uma comida pesada. 

Feito isso, levanto (isso mesmo levanto, pois não preguei o olho 1 minuto) às 6 horas para ir fazer a prova do TJ que começava às 8h. A prova era na Politécnica do Jardim Botânico, saímos de casa às 7, e quando nos aproximávamos do local: engarrafamento. Mais de 4 mil candidatos resolveram ir para o local de prova pela mesma Avenida (mais parecia uma rua). Meu pai vendo que não ia dar tempo me fala, ou você corre ou perde a prova. Resolvi correr (agora imaginem concurseiro, fora de forma, preparo físico 0, correndo), e o pior foi correr na chuva. Vejam os 3 Km de corrida na chuva:




Quando chegava no local, já quase ensopado, em vez de seguir reto na rotatória, virei a esquerda, ou seja, pela entrada errada (eu e mais 4 pessoas). Depois disso, e no caminho errado, encontramos outra candidata que nos deu carona. Entramos ensopado no carro da moça em 5 (já havia 3 ocupantes no veículo- um GOL). Cheguei no local de prova faltando exatamente 3 minutos para o fechamento dos portões. Vi muita gente ficando de fora. Ensopado, sem beber uma água, cansado e com 100 questões para responder. 
Mais uma lição: se programem para amanhã. Cheguem adiantados, pois isso lhe dará mais tranquilidade. Quem chega adiantado, geralmente, está menos agitado e mais concentrado para começar a responder os itens. 

Fiz a prova. E fui correndo almoçar, pois as 14h tinha mais 200 itens para responder. 

No almoço, estava com tanta fome que acabei comendo de mais, o que me deu um sono gigantesco. Resolvi com um energético (sempre levei para provas, mas bebida bem pouco, só para acordar mesmo).

E a prova chegou, fiz e saí CHORANDO, pois tinha certeza que havia reprovado em DIREITO INTERNACIONAL. Depois de todo o perrengue, a reprovação me parecia certa.

Mas meu povo, essa era para ser a minha prova. Graças a Deus, acertei 17 itens de direito internacional e fiquei com a quinta maior nota na primeira fase. Passei em segundo no TJ com 81 acertos. Ou seja, o que quero dizer a vocês é que se for para ser de vocês, vai ser. Não importa a torcida contra, não importa os perrengues e a canseira que vão estar amanhã, pois se for para ser, ninguém tira de vocês não. Confiem em Deus, peçam para fazer o melhor para vocês, pois será feito. 
Hoje é dia de consciência tranquila, pois deram o melhor de vocês nesses 88 dias finais. 

Agora algumas dicas de provas (e também de chute):
1- Cheguem com antecedência, portando os documentos obrigatórios (inclusive cartão de identificação para ajudar a encontrar a sala). 
2- Levem água, energético (para quem gosta) e algo para comer durante as longas 5 horas. 
3- A prova não costuma ser longa, mas cuidado com o tempo. Sugiro que façam o item e já o assinalem no gabarito, ou deixem 30 minutos finais para isso. Cuidado para não errar na marcação. 
5- Via de regra, sua primeira impressão do item é a que está correta. Mudar de opinião após assinalar o item é exceção e não regra. 
6- Façam primeiro a matéria que vocês possuem mais afinidade, depois façam a prova em sequencia (para não se perderem no tempo). 
7- Fiquem até o final para poderem anotar o gabarito, pois a preparação para eventual segunda fase começa amanhã. 

E agora as técnicas de chute:
1- Palavras que indicam generalização, em regra, tornam o item errado (Ex: sempre, em qualquer caso, sem exceções, etc). 
2- Palavras que evitam a generalização, em regra, tornam o item correto (Ex: no mais das vezes, em regra, precipuamente, etc). 
3- Quando for citado um artigo de lei, um número de súmula, etc, o erro, em regra, não está na numeração. Do mesmo modo, se for citado a fonte jurisprudencial, via de regra, o erro também não está nessa indicação. 
4- Há uma distribuição mais ou menos equitativa de C e E dentro de um bloco de questões, logo se não tiver nem noção da resposta, melhor chutar no item que foi menos assinalado por vocês naquele bloco (última opção de chute é essa). 

Enfim meus amigos, era isso. Descanso, fé e um pouco de sorte. Que Deus abençoe cada um de vocês amanhã. Se for par ser de vocês, podem ter certeza que será. 

Sucesso a todos.

Eduardo

3 comentários:

  1. O site ficou massa com essa repaginada! Top!

    ResponderExcluir
  2. Adorei seu depoimento. Obrigada por todas as dicas durante o tempo de preparação. Abraços. Dani.

    ResponderExcluir
  3. Adorei seu depoimento. Obrigada por todas as dicas durante o tempo de preparação. Abraços. Dani.

    ResponderExcluir

Sua interação é fundamental para nós!