Quem passa diariamente por aqui, PASSA!

SIGAM NO INSTAGRAM @EDUARDORGONCALVES e @MEUESQUEMATIZADO PARA DICAS, SORTEIOS, LIVES, NOTÍCIAS E MUITO MAIS

DICAS PARA QUEM TRABALHA E ESTUDA

Olá meus amigos do site, 

Hoje, feriado do dia do trabalho, vamos falar de um tema que me é muito perguntado: DICAS PARA QUEM TRABALHA E ESTUDA. 

Primeira coisa, muita gente se socorre no "tenho que trabalhar" a fim de justificar o "não estudar". Trata-se de uma desculpa comum e como forma de tentar retirar a própria culpa dos ombros. Exemplos de quem conseguiu trabalhar, estudar e ser aprovado não faltam. Eu conheço várias pessoas no meu círculo de amizade, então eu digo a vocês: SIM É POSSÍVEL CONCILIAR AMBOS. 

Outra justificativa que sempre ouço: NÃO TENHO 08 HORAS DE ESTUDOS, LOGO NÃO VOU TENTAR ESTUDAR. NÃO TENHO 08 HORAS, NUNCA VOU PASSAR. Trata-se de mais uma desculpa utilizada por muitas pessoas para não estudar e retirar a própria culpa dos ombros. 

Não se sabotem meus amigos. Sim é possível tanto para quem trabalha, quanto para quem não tem 08 horas livres por outro motivo qualquer, basta vocês se organizarem e saberem o que, de fato, querem. 
Aliás, lembrem-se de que hoje é feriado e, se vocês forem organizados, é um dia em que os senhores podem se permitir descansar sem peso na consciência, já que o descanso faz parte da caminhada até a aprovação. CONCURSO É MARATONA E NÃO TIRO DE 100 METROS, OK? 

Pois bem, hoje vou dar algumas dicas para quem trabalha e estuda, como foi o meu caso quando estava estudando para o MPF (trabalhava na AGU e estudava para o MPF). 

O que quero deixar claro, desde o começo, é que não ter 08 horas ou mais livres para estudos não é um problema. Lógico que quanto mais tempo livre para estudos melhor, mas com 03/04h diárias é sim possível passar em qualquer concurso do país. 

A primeira dica para o concurseiro que trabalha é: TENTE FAZER SUA CARGA HORÁRIA EM TURNO ININTERRUPTO, por exemplo, os servidores do MPU trabalham das 12h as 19h, ou seja, 07h seguidas, possuindo também dois turnos completos para possível estudo. Assim, quem trabalha em MPU/Tribunais terá a manhã toda para estudar ou a noite toda, também ininterruptas. 
Para essas pessoas que trabalham 07h seguidas, sugiro deixar o turno da manhã para estudar, pois é quando vocês estão com a cabeça fresca. 
Quando me preparava para o MPF, eu estudava das 07/08h até as 11:30, trabalhava até a hora que fosse necessário (17h, 18h ou 19h, conforme o caso) e após retomava os estudos até a hora que eu conseguisse. 

Uma outra dica é: NÃO FAÇA HORA EXTRA REGULAR. A quem já é servidor público, meu amigo, sua carga horária é de 07h a 08h como regra, de forma que você não é obrigado a trabalhar mais que isso. Lógico que vez ou outra pode ser necessário que trabalhem mais, mas não torne isso uma rotina. 
Muitos alunos chegam a abrir mão de uma FC ou CC para poderem estudar mais. Talvez valha a pena, especialmente porque vocês ganharão tempo. Menos responsabilidades significa mais tempo. OK? A perda salarial imediata, poderá representar o incremento posterior. 

Converse com seu chefe para estabelecer o trabalho com METAS. Tenho muitos amigos Procuradores que estabelecem metas semanais a seus servidores (X processos por semana), de forma que quando o servidor termina aqueles processos está ele livre (pois seria injusto dar mais processos ao servidor quando ele já cumpriu a meta - seria penalizar o bom servidor). Nesses casos, é possível que vocês ganhem um dia livre ou até mais. Pensem nisso! (em Naviraí não fazemos em virtude do volume expressivo de trabalho). 

Se organize para LER INFORMATIVOS NO TRABALHO. Sabe aqueles 15 minutinhos de descanso no trabalho (e todos possuem, isso é fato). Deixe-o para ler informativos. Caso você leia 15 minutos por dia de jurisprudência no momento em que iria descansar no trabalho, terá lido os informativos semanais do STF/STJ integralmente. Uma tarefa a menos, portanto.

Seja estratégico, ESTUDE APENAS UM LIVRO POR MATÉRIA. Se para quem tem 08h livres eu recomendo apenas um livro por matéria, imagina para vocês que tem aproximadamente 04h. Nesse caso é inconcebível vocês procurarem estudar por mais de um livro. A estratégia correta é que será o seu diferencial para conseguir concorrer com quem tem mais tempo de estudos. 
Ou seja, a dica é: ESCOLHAM O MATERIAL CORRETO PARA O CONCURSO VISADO (e aqui NOSSO ESQUEMATIZADO pode ajudar). 

Tenham FOCO NO CONCURSO QUE DESEJAM. Quem, via de regra, tem pouco tempo para estudo deve direcionar muito bem seus estudos para seu objetivo. Quanto menos vocês desviarem do seu foco, maiores as chances de aprovação. Se você já tem pouco tempo, e pula de edital em edital, a aprovação tende a demorar mais. 

APROVEITEM O FINAL DE SEMANA (E FERIADOS) para aumentar a carga horária. Não tem jeito, o ideal para vocês é estudar pelo menos 12 horas no final de semana a fim de dar uma compensada com o pouco tempo durante a semana. Sugiro 08h no sábado e 04h no domingo, ou ainda, 10h no sábado e 02h no domingo.

Em síntese: 1- estabeleçam uma rotina de estudos de 04 horas nos dias de semana, e ao menos 12 nos finais de semana; 2- estabeleça prioridades, escolhendo o concurso que deseja e focando nele; 3- busque cada vez mais tempo livre do trabalho a fim de verte-lo para os estudos. 

Pois bem. Essas foram algumas dicas. O que acharam? 

O que vocês fazem para otimizar o tempo? Postem nos comentários para compartilhamos com todos. 

Um feliz feriado a todos. 

Eduardo, em 01/05/18 (postagem similar a de 2017, mas atualizada). Postagem original AQUI
No insta: @eduardorgoncalves



15 comentários:

  1. Estou fazendo um curso e as vídeo aulas acabam me tomando muito tempo. Embora esteja fortalecendo muito minha base, tenho planos de produzir mais depois do curso, quando a leitura e exercícios serão mais dinâmicos. Acha que estou fazendo o certo?

    ResponderExcluir
  2. Estou assistindo vídeo aulas e o curso só acaba ano que vem. Isso tem me tomado muito tempo, visto que trabalho, mas não posso negar que estou formando uma boa base. Acredito que, após findo o curso, a leitura e exercícios tornará meu estudo mais dinâmico e produtivo. Acha que estou fazendo o certo.

    ResponderExcluir
  3. Jesus, 10h líquidas num sábado... Derrete os neurônios.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Especialmente pra quem tem as obrigações de cuidar de casa, lavar e passar roupa e por aí vai...

      Excluir
    2. Nesta semana do feriado, terminei de limpar minha casa às 23h do domingo. Roupa na máquina durante o dia. Utilizava os intervalos para poder estender a roupa. Comida eu faço todos os dias quando chego. Minha vida é fórum e estudo. O que eu faço no tempo livre? Durmo e cuido da casa rs

      Excluir
  4. No trânsito ainda dá para escutar os podcasts do dizer o direito.

    ResponderExcluir
  5. Sou servidor público e infelizmente não há compreensão da minha chefia. O volume de trabalho é grande, o nº de servidores é pequeno para tal volume e ainda tem servidor que não colabora, não sabe trabalhar em equipe e sempre que pode inventa folga, licença, para fugir do trabalho. O resultado? Servidor que trabalha e raramente falta como eu acaba penalizado, pois como a chefia não pode contar com o servidor que falta e enrola no trabalho, exige de quem faz. Fico muito cansado pela carga de trabalho e quando chego em casa tenho que ter muita força de vontade para estudar e não dormir. Porém uso essa situação injusta, além de meus sonhos pessoais para me forçar a sentar na cadeira e focar no concurso que eu quero. Obrigado pelas dicas.

    ResponderExcluir
  6. Realmente, o diferencial para quem tem menos tempo de estudos, como é meu caso, é focar muito bem no concurso que deseja. A minha maior dificuldade hoje em conciliar trabalho e estudos é a ansiedade de saber que a caminhada pode ser mais longa, mas temos de tentar abstrair ao máximo e dar nosso melhor.
    Excelente postagem.

    ResponderExcluir
  7. Esse comentário acima é tal e qual o meu caso, impressionante

    ResponderExcluir
  8. Bom dia, jovens, vocês têm alguma dica de aplicativo que converta vídeos do youtube para download mp3? Não sei se me fiz entender, é pq trabalho em outra cidade e, por semana, passo 5 horas para ir para minha casa e 5 horas para voltar, aí eu queria escutar lei seca no trajeto

    ResponderExcluir
  9. Atualmente consigo estudar cerca de 5h a 6h. Para isso, tenho que acordar por volta das 4h da manhã, estudo até quase 11h, entro no trabalho meio dia e somente saio do fórum às 20h. Tenho cargo em comissão, então não bato ponto, o que me ajuda muito, pois meu juiz é muito compreensível em relação a isso. Sábado inicio por volta das 6h e termino lá pelas 17h. Domingo vou até meio dia, uma hora. Não é fácil. às vezes bate o cansaço de uma forma que parece que a gente não chega até o fim da semana. Mas é sonho e, se vc tem um sonhos, vc deve protegê-lo. A proteção não é somente contra aquelas pessoas ácidas, que afirmam que você não vai conseguir. Mas proteção contra preguiça, contra a zona de conforto, contra a procrastinação. E vai dar certo. Aprendi a apreciar o dia a dia, entender o processo, me alegrar com as pequenas vitórias e aprendizados diários.

    ResponderExcluir
  10. Recentemente, pedi exoneração do cargo de chefia que ocupava para me dedicar mais aos estudos. As preocupações laborais acabavam influenciando negativamente na minha capacidade de concentração.

    Tenho certeza de que a decisão foi acertada.

    ResponderExcluir
  11. Achei válidas as dicas, porém é um tanto complicado colocar em prática, embora não seja impossível. Isso porque as vezes o trabalho é demasiado pesado e consome toda a energia de modo que não sobra qualidade mental para estudos profundos após a jornada de trabalho, inclusive pra quem acorda muito cedo e ainda despende tempo com deslocamento casa-trabalho. De qualquer forma, quem precisa mesmo trabalhar não tem outra saída, ficando cansado, abatido, deprimido e ainda frustrado, já que os estudos parecem não render e ainda, o psicológico começa a ser afetado. A ansiedade com frustrações consecutivas, fora as outras áreas e fatores da vida, também são alguns dos principais fatores que impedem o sucesso na aprovação.
    Manter-se controlado, focado e disciplinado no meio de tantos fatores adversos é o maior desafio, a aprovação é consequência.

    ResponderExcluir
  12. Inicialmente parabenizar a postagem, sempre de grande valia para nossa batalha no universo dos concursos públicos. Sou Advogado, possuo escritório próprio e desde o final de 2017 venho tentando conciliar os estudos com o trabalho (Advocacia), confesso que não tem sido tarefa fácil, pois todos os dias tenho enormes reflexões, se não devo abandonar minha profissão e me dedicar integralmente a vida de concurseiro. Mas sigo firme na caminhada, almejo concursos de Procuradoria e já adquiri o edital esquematizado do Eduardo e recomendo bastante. Tento realizar meus estudos na parte da manha, acordando o mais cedo possível (por volta das 5hrs) para encerrar até no máximo as 09h 30 para logo após ir trabalhar, confesso que não venho tendo a disciplina correta, principalmente aos finais de semana.Mas sempre bom beber da fonte daqueles já ultrapassaram a caminhada.

    ResponderExcluir
  13. Eu também trabalho e estudo. Sou servidora pública e trabalho 6h por dia. Gasto mais 2h indo e voltando do trabalho (Aff,trânsito!) No mais tento estudar de 16h00 às 20h00. Nem sempre consigo. Depois desse horário eu deveria ir a academia, mas a preguiça acaba vencendo... Obrigada pelas suas dicas.

    ResponderExcluir

Sua interação é fundamental para nós!

GOSTOU DO SITE? ENTÃO NÃO DEIXE DE NOS SEGUIR NO INSTAGRAM @EDUARDORGONCALVES e @MEUESQUEMATIZADO