Dicas diárias de aprovados.

RELATO DE APROVADO - LUIZ FLÁVIO BARBIERI

 Olá pessoal, bom dia. 

Hoje é com imensa felicidade que vamos compartilhar dicas do LUIZ FLÁVIO BARBIERI, aluno do blog e aprovado no MPPR. Quando vejo nossos leitores alcançando seus objetivos, fico ainda mais feliz e isso me faz sempre pensar em deixar o blog ativo para vocês. 

Ao Luiz desejamos parabéns e que seja muito feliz no MPPR, que se realize no cargo escolhido. 

Vamos às dicas:


Olá!

Meu nome é Luiz Flávio Barbieri (alguns me conhecem pelo perfil @cash.parquet no Instagram), fui aprovado no Concurso de Promotor de Justiça do Estado do Paraná e vim contar como eu utilizava o Edital Esquematizado do MeuEsquematizado pra fazer minhas revisões!

 

Inicialmente, vou me apresentar um pouco melhor. Tenho 30 anos, já sou servidor público há quase 08 (PGFN e TRT-12) e agora fui aprovado no MPPR. Também estou “ativo” em outros dois concursos (fase oral do MPRS e segunda fase do MPSP).

 

Como todo concurseiro, sempre tive dificuldade com revisões. Tentei aquelas técnicas mirabolantes que, obviamente, não deram certo. Quase nenhum aprovado consegue aplicá-las a longo prazo.


O que fiz: simplifiquei ao máximo. Passei a revisar somente por questões e por um material extremamente sintético. O material escolhido foi o Esquematizado, com anotações extremamente pontuais feitas por mim. Também fazia algumas tabelinhas com prazos mais cobrados (ECA e eleitoral possuem bastante prazos que eu sempre errava).


O Meu Esquematizado então passou a me ajudar em 2 pontos: organização e revisão.

Assim, eu anotava somente o que havia de mais importante em determinado tema, ou aquilo que eu esquecia com mais facilidade. Era tudo uma espécie de compilado de palavras-chave. Não havia muitos verbos ou explicações detalhadas. Essas explicações detalhadas tinham que ser feitas pelo meu próprio cérebro. Uma espécie de estudo ativo.

Em alguns casos, eu resumia uma lei inteira nesse pedacinho em branco, como fiz com a Lei Anticorrupção (fig. 1) – eu sinceramente nunca vi uma prova objetiva que cobrasse algo diferente do que eu escrevi no fichário sobre essa lei: 

Eu fazia questões e mapeava meus erros. Depois, eu voltava ao material para reler o resumo. Eu nunca dividia as questões por assunto. Ex: Fazia umas 50 questões de Direito Civil e depois relia todas as anotações da matéria, para ver o que estava faltando e era importante, o que estava desatualizado, etc. A leitura era rápida justamente porque eu era extremamente sintético. As “maiores” anotações são de sucessões, por exemplo, em que eu escrevia no verso da folha. Tinha 2 páginas apenas. Além disso, sempre fiz muitos simulados de provas completas, que além de simular o ambiente real de prova, é uma forma excelente de revisar todos os conteúdos de uma só vez. Depois dos simulados, também retornava ao fichário.

Eu resolvi imprimir o material num fichário (fig. 2), porque caso fosse necessário, eu poderia inserir novas páginas em branco pra complementar a revisão, como fiz com SNUC ambiental:



Por fim, em todos os pré-prova, independente de qual fase (objetiva, subjetiva ou oral) eu relia esse material. Obviamente, ganhei vários pontos com essa leitura. Inclusive, uma das anotações, sobre o Mandado de Segurança Coletivo não tutelar direitos difusos, foi cobrada na minha prova oral (fig. 3), e eu tive a felicidade de responder antes mesmo do examinador perguntar, porque tinha sido uma das últimas coisas que eu havia lido (é uma das últimas páginas do fichário) e isso ainda estava extremamente fresco na minha memória:




Qualquer dúvida que os seguidores do blog tenham, podem me perguntar lá no Instagram @cash.parquet. Estou dando algumas dicas e falando da minha trajetória por lá. Sejam todos bem vindos!

Obrigado, Eduardo Gonçalves, pela oportunidade e parabéns pelo excelente trabalho realizado. A Superquarta foi de grande ajuda na minha preparação!

Seguem outras fotos do material, para exemplificar tudo que falei (link do material):





1 comentários:

Sua interação é fundamental para nós!

SIGAM NO INSTAGRAM @EDUARDORGONCALVES.

ENTREM NO NOSSO GRUPO DO TELEGRAM CLICANDO AQUI.

PARTICIPEM DO NOSSO FÓRUM DE DISCUSSÕES.

GOSTOU DO SITE? ENTÃO NÃO DEIXE DE NOS SEGUIR NO INSTAGRAM @EDUARDORGONCALVES.

ALÉM DISSO, ENTREM NO NOSSO GRUPO DO TELEGRAM.

NÃO DEIXE DE LER!